Proteja-me! [organização: Camila Pelegrini]


A promessa de igualdade talvez seja tão antiga quanto a própria existência humana. A busca por identificação, compatibilidade e pertencimento remontam a tempos que fogem das folhas do calendário, que escapam do alcance dos ponteiros do relógio. Por desejo ou necessidade, muito se procura vincular. De alguma forma, porém, em absoluta contradição, o que comumente se destaca e aponta são as diferenças que desagregam, desunem, isolam. São os objetivos distintos, as convicções discordantes, os sonhos que divergem.

Acentuam-se os abismos, minimizam-se as pontes

E mais irônico ainda, despreza-se a única simetria completamente inquestionável entre qualquer ser vivo: a de que todos temos nossas raízes no mesmo chão. A verdade é que superada a individualidade que nos torna singulares em nossos próprios mundos, ainda subsiste o fato de que somos todos vizinhos, moradores de um mesmo espaço rico e deslumbrante, vivendo sob o mesmíssimo manto azul.

Somos nada mais do que pequenos vaga-lumes em um céu de estrelas

Somos heróis da nossa própria história. E ainda assim somos vilões do nosso próprio lar.

Uma antologia em busca de heróis — é facílimo achar os vilões —, valorizando aqueles que enfrentam os hercúleos desafios de lutar contra forças desumanas para protegerem a… Natureza! e/ou a Vida!


Proteja-me! terá, a princípio, 10 (dez) histórias onde todos os gêneros literários serão aceitos, desde que retratem ações pequenas ou grandes em prol do meio ambiente e da vida. E toda a campanha envolvendo o livro será voltada para a sustentabilidade, abaixo já algumas ideias e desejos nossos:

  • Lançamento ao ar livre;
  • Financiamento coletivo com parte dos valores destinado a ONG;
  • Ao final do livro, pretendemos incluir uma espécie de anexo com sugestões e ideias de coisas pequenas que podem ser feitas para prejudicar menos o ambiente, com indicação de possíveis alternativas;
  • Antes de cada conto, talvez, uma citação relativa a importância e/ou poder do meio ambiente com algum dado relacionado ao conto (ex.: se for sobre transporte de carga viva, mencionar quantos animais são submetidos a isso no Brasil);
  • Crônicas sobre a particularidades do tema;
  • Impressão em papel reciclato;
  • Brindes de material sustentável e de pequenos produtores;

Proteja-me!
Antologia de contos inspirados nos heróis anônimos

Preparação: Flavio P. Oliveira – Organização: Camila Pelegrini

Todos os gêneros literários serão aceitos, desde que retratem ações pequenas ou grandes em prol do meio ambiente e da vida. Sua história de herói contra o sistema destruidor, de balsa enfrentando baleeiros ou cargueiros, de pessoas que se acorrentam em árvores para enfrentar grandes madeireiras etc. pode fazer parte desta antologia.

Leia o edital para saber mais a respeito: Edital Proteja-me!

Financiamento coletivo

A publicação da tiragem inicial será feita com recursos obtidos através de financiamento coletivo. Cada autor compromete-se a divulgar e apoiar ou conseguir apoios no Catarse, com um valor mínimo de R$105,00 para a soma dos apoios, podendo ser um apoio neste valor ou vários apoios menores. Os livros terão valor aproximado de R$ 35, com frete e taxa do Catarse incluídos neste preço.

Um percentual a ser ainda definido do valor arrecadado no Catarse será doado para ONGs que protejam a vida e/ou combatem a destruição da fauna e da flora.

=> Período de inscrição: até 25 de agosto de 2018 <=

Aguardamos ansiosamente o seu conto!

É hora de fazermos a nossa parte, de mergulharmos na luta em defesa do nosso planeta!

Proteja-me!, a antologia
Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail
Classificado como:                    

Deixe uma resposta