Commedia Dell’Arte Macabra

terror/horror inspirados na vertente popular do teatro renascentista

organização: Ricardo de Jesus & Rodrigo Ortiz Vinholo

Imagine uma antologia de contos de terror/horror, loucura e múltiplas personalidades inspirados na vertente popular do teatro renascentista

Arlequim, Pierrot, Colombina, Scaramouche, Pantaleão, Brighella, Pulcinella e vários outros, personagens ou personificações de múltiplas personalidades, por trás de máscaras, por trás da comédia bufa e popular cresceu um universo de arte, talvez de horror, que inspirou e ainda inspira personagens mais atuais, como a Arlequina.

Além do figurino colorido de seus personagens, a Commedia dell’Arte possuía uma característica muito peculiar: o uso de máscaras. Sim! Máscaras! Máscaras são essenciais para histórias de terror/horror, máscaras de todas as formas, algumas apenas cobrindo um rosto, outras, mais sutis… uma alma maligna.

Commedia Dell’Arte Macabra é uma antologia de contos de terror/horror, loucura e múltiplas personalidades inspirados na vertente popular do teatro renascentista; todavia, não apenas, trará também o lado psicopata e/ou antissocial, um quê de teatralização das cenas, noite adentro, vida noturna, arte, cultura e artistas chorando por dentro.

Commedia Dell’Arte Macabra trará 13 (treze) histórias. As únicas exigências são usar um personagem da Commedia Dell’Arte, caracterizado, com muito da solidão e da loucura da múltipla personalidade, escrever algo macabro com pitadas de realismo mágico, terror ou horror, em suma, queremos contos sombrios, festivos e assustadores. Valorizaremos a boa construção dos cenários e das caracterização da loucura, do aspecto psicológico em ser um mascarado, do suspense em esconder uma identidade maligna por trás de sorrisos. Ou seja, queremos máscaras, vingança, arte, teatro, cenografia detalhada e múltiplas personalidades.

Leia o edital para saber mais a respeito: Edital Commedia Dell’Arte Macabra

Financiamento coletivo

A publicação da tiragem inicial será feita com recursos obtidos através de financiamento coletivo. Cada autor compromete-se a apoiar o projeto no Catarse com o valor de R$35,00 e, além disso, conseguir apoios somando um valor mínimo de R$115,00, podendo ser um apoio neste valor ou vários apoios menores. Caso o autor deseje, pode apoiar com quantias maiores e receber as recompensas. Não há a obrigação de escolher a antologia Commedia Dell’Arte Macabra como recompensa, podendo o autor ou seus respectivos apoiadores escolherem outras recompensas.

=> Período de inscrição: de 15 de maio de 2019 a 15 de julho de 2019 <=

Principais regras

  • A inscrição é gratuita;
  • Os contos devem ser inéditos e de exclusiva autoria do participante, e não podem se caracterizar como fan-fic (baseado em personagens ou histórias famosas que ainda não estejam em domínio público, ex: Harry Potter);
  • Todos os contos serão avaliados pelo comitê de avaliação, podendo ou não ser aprovados para publicação;
  • Esta antologia será publicada de forma colaborativa, ou seja, os autores se comprometem a apoiar o livro no Catarse. O financiamento coletivo será iniciado após a seleção dos autores;
  • Os serviços editoriais são de responsabilidade da editora Delirium;
  • Os contos submetidos à avaliação não podem estar publicados (mesmo gratuitamente) a partir do envio até a data vigente do contrato;
  • Será selecionado no máximo 1 conto por autor;
  • O conto deverá ser enviado em formato .doc ou .abw, em fonte Times New Roman 12pt., e ter entre 3.500 e 4.500 palavras.
  • A antologia contará com 13 autores, entre convidados e selecionados;
  • 20% dos royalties serão distribuídos entre os autores com contos incluídos na antologia a o ilustrador;
  • O preço mínimo de venda do livro será de R$15,00;

Dicas para uma melhor recepção

  • Nós, os avaliadores, somos doidos de pedra e curtimos invencionices;
  • Queremos sobretudo criatividade e sustos;
  • Aventure-se pelo esquisito;
  • Não tenha medo de ousar e enlouquecer, afinal de contas, aqui é a Delirium Editora;
  • Valorizaremos a capacidade de incluir a personificação de múltiplas personalidades, a boa construção das cenas inspiradas na teatralização e solidão do(s) protagonista(s), uso dos personagens originais da Commedia dell’Arte entre outros itens;

 

Venha participar da nossa nova antologia!
Boa sorte! 😀

Commedia Dell’Arte Macabra
Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmail
Classificado como:                        

Deixe uma resposta